Tudo sobre o seu:

Bobtail Japonês

Símbolo de sorte e cercado de mitos e histórias, o Bobtail Japonês é uma raça de gato que tem uma cauda curta,que mais se parece um “pompom” de tão fofa. Seu nome já entrega sua origem, mas ainda há muitas incertezas sobre como esse felino chegou ao Japão. O fato é que, há muito tempo, o Bobtail Japonês é um gato popular entre os japoneses e possui registros que datam sua presença na ilha há mil anos. Uma das histórias de sua origem é que o imperador da China presenteou o imperador do Japão com um gatinho muito similar a essa raça e, desde então, criadores do País vêm cruzando esses felinos de rabo curto até chegar no padrão que conhecemos hoje. Em 1968, três Bobtail Japoneses foram levados aos EUA e em 1976 a The Cat Fanciers’ Association reconheceu e registrou a raça.

Características do seu Bobtail Japonês

Energia
Apego ao dono
Tendência a miar
Amoroso
Inteligência
Brincalhão
Amizade com crianças
Amizade com outros animais
Banner - Cadastre seu pet
Perfil pet
Cadastre seu bichinho e descubra os produtos perfeitos para ele!

Especificações do Bobtail Japonês

Tamanho

A altura varia de
20 a 25 cm

Peso

O peso varia de
3 a 4 kg
Pelagem
O Bobtail Japonês pode ter a apresentação de pelo curto e pelo longo. A versão de pelo curto é sedosa e macia, com pouco subpelo. Já a versão de pelo longo tem a pelagem volumosa com subpelo, mas bem fina. Todas as cores são aceitas na raça, mas a mais comum é a tricolor.
O Bobtail Japonês é bastante saudável e não apresenta grandes problemas de saúde. Entretanto, há uma preocupação dos médicos veterinários em relação às raças de rabo curto ou com ausência da cauda. Na raça Manx, por exemplo, a não presença do rabo é causada por uma deformidade no final da coluna vertebral, que pode gerar problemas neurológicos e motores. Por mais que a cauda curta do Bobtail seja decorrente de uma mutação genética, é preciso ficar atento aos problemas que podem afetar a região. Não há nenhuma outra doença em que a raça é predisposta geneticamente, mas ele ainda pode ser afetado por condições infecciosas como FIV e FeLV e por problemas comuns em todos os gatos, como doença renal e cálculos urinários.
O Bobtail Japonês é a definição de gato tagarela, ativo, brincalhão e carinhoso. Sua brincadeira preferida é caçar objetos e carregá-los na boca, principalmente ratinhos e varinhas com penas. É um pet bastante curioso que se envolve em tudo que seus pais humanos estão fazendo, usando seus miados para expressar seus sentimentos, porque uma coisa que esse felino sabe fazer é se comunicar. Ele precisa de uma família que o ame e dê muita atenção, mas também é adaptável, conhecido por não se estressar tanto com mudanças em seu território. Se dá bem com crianças e outros pets, não sendo incomum vê-lo cumprimentando as pessoas que chegam na sua casa.
Muito inteligente, o Bobtail Japonês é especialista em observar cada passo seu dentro de casa e te acompanhar até mesmo no banheiro. Ele sabe a hora que você acorda, sai para trabalhar e até mesmo a hora que você chega. Falando nisso, o Bobtail pode ficar triste e ansioso, caso fique muito tempo sozinho. Por isso, é comum que ele mie um pouco além da conta ao ver o pai humano após horas para demonstrar sua felicidade. Ele precisa de companhia humana e de outros pets para ser feliz, assim como brincadeiras durante o dia e jogos interativos para poder desafiar sua mente. Não é difícil ensinar truques para a raça, mas sempre ofereça um petisco ou sua comida preferida como reforço positivo.
Por ser um gato saudável, o Bobtail Japonês pode viver bastante tempo, sendo comum encontrar exemplares dessa raça com 16 anos ou mais.
O Bobtail exige cuidados básicos como todo gatinho. Escove seus pelos duas vezes na semana com a escova e rasqueadeira que ele mais gosta, para evitar a ingestão excessiva de pelos. Suas orelhas devem estar sempre limpas e seus pais humanos precisam checá-las com frequência. O ideal é acostumar essa raça a escovar os dentes desde filhote, para conter o acúmulo de bactérias em sua boca e, consequentemente, a formação de placas bacterianas (também conhecidas como “tártaro”). Banhos não são indicados para os gatos, pois eles conseguem se limpar muito bem sozinhos. Geralmente, eles precisam tomar banhos quando há alguma doença de pele ou algum problema que impede a lambedura higiênica, mas isso deve ser indicado por um médico veterinário. As vacinas e consultas de rotina também são fundamentais para manter o Bobtail Japonês saudável.
Você provavelmente já viu uma estátua de um gato japonês acenando em vários estabelecimentos orientais. Esse gatinho se chama Maneki Neko, e sua figura foi inspirada em um Bobtail Japonês, sendo símbolo de sorte e boa fortuna. Outra curiosidade sobre a raça, é que eles são conhecidos por serem ótimos saltadores e se destacam em competições de agilidade felina no Japão.